19.6.18

Life Update



Por aqui, eu bem sei, tem estado tudo muito parado. A culpa é minha - eu sei, eu sei, eu sei - mas prometo que é por uma boa razão. Não queria propriamente fazer uma pausa ~oficial~ do By the Library, mas não queria deixar de vos explicar a vocês, leitores, o que se está a passar cá deste lado. E a verdade é que é tudo demasiado simples. Por isso, aqui vai o update de blogger pseudo professional com uma mensagem secreta pelo meio... Desculpem. 



Para quem me segue no Twitter (não, mãe, esta rede social tem que ser à prova da tua existência), sabe que a minha vida anda num caos. Bem, nem sequer é preciso chegar a tanto, basta lerem algumas publicações antigas no blogue e chegam à clara noção de que já há algum tempo que as coisas não andam bem. Os últimos meses têm sido uma montanha russa de emoções, de desatinos interiores, de revoltas pessoais e de conquistas, daquelas tão pequeninas que os outros, por fora, nem dão por elas. E como é preciso ser honesta nesta coisa de ser blogger, há que admitir que nos últimos tempos não tenho feito nada de produtivo e que isso comeu-me por dentro, por completo. 

Reconstruir-nos emocionalmente demora simultaneamente mais e menos tempo do que aquilo que estamos à espera. Hoje, passado quase um ano desde a primeira vez que disse em voz alta que não sou de ferro, acho inacreditável o quão doloroso foi sarar(-me), ao mesmo tempo que me apetece engolir em seco ao compreender a velocidade a que tudo passa - e o que temos de abdicar temporariamente para permitir todo este processo. 

Resumindo toda esta lamechice, que um dia espero contar-vos em pleno, completando assim os meus contos de amor-próprio (quando tiver coragem ou assim), estou melhor. Sinto-me mais produtiva, mais leve, mais crescida aqui no coração e, acima de tudo, acordada. O lado negativo da coisa? Acordei também para todas as responsabilidades que, de forma consciente ou inconsciente, acabei por colocar de lado exactamente por causa de todo este caos interior. 

Eis, então, o que se anda a passar com a minha vida... 


A tese. O bicho-papão. A Umbridge da vida académica. O meu Dementor pessoal, sugador de toda a minha felicidade. A coisa que mais me custou a mastigar nos últimos tempos, por causa de uma série de dúvidas existencialistas que nem vale a pena mencionar agora. O ponto de interrogação na possível desistência ou não. Enfim. Percebem? Exacto.

Tenho andado a (tentar) obcecar-me com o raio do trabalho para ver se cumpro com o deadline de entrega... Setembro. E eu nem vos vou dizer onde é que ainda estou para não vos dar tanta ansiedade como a que ando a ter ultimamente, mas digamos que a prioridade na minha vida, neste momento, é sem dúvida a tese e absolutamente mais nada. Tirando um namorado e uma ocasional saída. Nada de mais. 

Não consigo pensar em escrever para aqui, quando já passo horas a escrever de forma minuciosa, elaborada e cansativamente académica para a tese. A lenda diz que 85% da exaustão que um estudante tem ao escrever uma tese de mestrado passa pela tentativa de encontrar 50 sinónimos para a mesma palavra, não vá aquilo ficar demasiado repetitivo. Ao mesmo tempo que se procura vocabulário digno de um doutorando (mas não demasiado para não parecer que estamos a tentar imitar alguém e correr risco de plágio ou uma m*rda qualquer) para encher páginas e parecer um autêntico especialista na matéria. Os restantes 15% é o tal material interessante para o júri e, porventura, para o estudante. 

Mas isto é tudo lenda, não confiem na minha palavra. 

E o blogue, Sónia?! Onde é que fica o blogue no meio disto tudo? O blogue continua a ser uma parte especial e diária da minha vida. Continuo a ter ideias constantes para conteúdo aqui no cantinho, mas falta-me a motivação - e a coragem - para o fazer. Considerem isto uma espécie de pausa. Não significa que não vá, de quando em quando, publicando uma review ou comentário interessante. Mas acho que toda a gente me compreende quando digo que a minha prioridade tem que estar nos 1500€ investidos em propinas e no futuro diploma que me vai garantir o desemprego em Portugal. 

Não deixem de me seguir. Pretty please? Como disse, não me estou a despedir. Estou sim, a investir 90% do meu tempo num trabalho que é muito importante para mim. E quero mesmo fazer um esforço para continuar a trazer-vos conteúdo porque é como vos digo, as ideias continuam a fluir e o desejo de escrever para vocês mantém-se cá. Simplesmente fomos de férias. Partilhando uma coisita ou outra interessante lá pelo meio, mas com a certeza absoluta que em Setembro estou cá a 110%. 

Enquanto isso, sigam-me nas redes sociais. No Twitter vão puder ver uma Sónia no seu habitat natural, algumas asneiras e desabafos pelo meio; no bookstagram vão sabendo os meus últimos livros lidos e a minha tentativa de ter um feed bonito e consistente; e no meu Instagram pessoal podem simplesmente ver o quão avariada sou ao vivo. 

Vou *tentar* publicar aqui mais vezes. Isto não é um adeus, nem um conjunto de frases cliché. Em breve o By the Library voltará a funcionar em pleno. Até lá... ❤

10 comentários

  1. Sónia, fico aqui, mesmo aqui, sem sair do lugar (:P), à espera que regresses! O teu blogue é dos que mais gosto de ler e, por isso, aguardo ansiosamente por Setembro ehehe

    Boa sorte com a tese, you can do it, girl!

    Beijinhos,
    Ensaio Sobre o Desassossego

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem sabes o quão importante é ler isto! Muito, muito obrigada. E lá está, eu não vou embora completamente. É só umas mini-férias pelo mundo esgotante da tese 😅 Muito obrigada, Sofia!

      Eliminar
  2. Acho que fazes muito bem em dedicares-te à tese porque, como dizes, é um investimento do caraças que espero que não te leve ao mundo do desemprego. Não te preocupes que o pessoal fica por aqui à espera de que voltes.
    Boa sorte com a tese! Vais arrasar! :D


    A Sofia World

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo um investimento enorme. Não sei se me leva ao mundo do desemprego, mas tendo em conta que ou fazemos jornalismo em Lisboa&Porto ou não fazemos de todo, acho que é o mais provável de acontecer. 🤷‍♀️ De qualquer das formas, eu vou tentar. E vou fazer esta coisa de uma vez por todas, ahah. Obrigada pela motivação e por saber que te aguentas por cá, Sofia! Um beijinho 💕

      Eliminar
  3. «Sinto-me mais produtiva, mais leve, mais crescida aqui no coração», fico mesmo feliz por ler isso *-*
    Quando chega a esta altura, a nossa prioridade é quase total, porque é um investimento sério e uma parte bastante significativa da nossa vida académica. E por entre desesperos e crises existências, a coisa vai-se fazendo :p tu consegues!
    Quanto a mim, não vou a lado algum. Porque adoro o teu espaço e acredito no teu talento. Quando voltares, cá estarei para te ler :)

    Até já, minha querida. E boa sorte <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada. Pelas palavras e pela doçura de sempre, querida Andreia :)
      Sem palavras e de coração cheio. Vou lutar, esbracejar e praguejar um bocadinho em terras de académicos e depois volto! Prometo. Eheh ♥️

      Eliminar
  4. Infelizmente deve ser muito difícil estar com "vontade" para escrever no blog depois do trabalho que estás a ter com a tese. Só poderei dizer que cá estaremos (risos) quando voltares por completo. Beijinhos :)

    www.bycarolina.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um bocadinho cansativo. Confesso que podia ser mais organizada e motivar-me o suficiente para ter tempo para as duas coisas, mas tenho um grande defeito onde acabo por ter que ficar obcecada com o que tenho em mãos, ou não funciona como deve ser. Mas lá está, vou querer continuar a publicar de quando em quando! Beijinhos e obrigada :)

      Eliminar
  5. Há que definir prioridades, e eu apoio-te a 100%. Vou ficar deste lado a aguardar o teu regresso!
    Muita força e boa sorte com a tese, you can do it ♡

    ResponderEliminar
  6. Às vezes torna-se difícil conciliar tudo e alguma coisa tem de ficar em stand by. Eu acho que fazes muito bem em dedicares-te a 100% à tese, afinal é o dinheiro gasto e é o teu futuro. Com empenho e dedicação consegues tudo, fico a torcer para que corra tudo bem :)
    Em relação ao blogue, eu vou continuar por cá, à espera das tuas reviews e sugestões sempre tão completas :p
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Latest Instagrams

© by the library. Design by FCD.