26.1.18

MOVIE 36 // Jumanji 2 (2017): Um throwback à Infância



Já li muitos comentários & opiniões sobre esta sequela, cujo filme original foi, para muita gente, um dos melhores filmes de infância de sempre. Cheguei rapidamente a uma conclusão: se a cada spin-off, filme de live-actionremake e sequela que aparece, vocês não conseguem deixar de franzir o sobrolho, é garantido que Jumanji 2: Welcome to the Jungle (2017) não é para vocês. Os amantes da tradição, do deixem-estar-os-filmes-bons-no-armário-para-não-estragar, certamente não vão apreciar a continuação da história do jogo de tabuleiro mágico que... Virou videojogo.



Como já devem ter calculado pelo título da publicação de hoje, o blogue continua a participar fielmente no MOVIE 36, projecto dedicado ao cinema e cuja primeira review podem ver aqui. Embora já tenha visto mais do que três filmes este mês, decidi não publicar sobre todos porque alguns acabaram por ser daqueles light movies que se vêem com amigos e que, embora sejam muito divertidos, não têm realmente algum conteúdo para além do carácter cómico.

No entanto, e se tiverem interesse em saber quais são, vi dois filmes de comédia absolutamente hilariantes com os meus amigos: Bad Moms (2016) e Girls Trip (2017), que são típicos estereótipos femininos mas, ainda assim, acabam por ser perfeitos para umas gargalhadas em grupo.

Jumanji 2 acaba por ser um pouquinho diferente porque, bem... É um filme que remonta à minha infância. Quase todos nós sabemos de cor a história do primeiro filme, do jogo de tabuleiro que, quando começado, só termina quando se chegar mesmo, mesmo ao fim, sem desistências. Não dá como esquecer o para sempre eterno Robin Williams a ajudar as duas crianças a acabarem o jogo, não sem antes provocar momentos de riso que encantam qualquer criança. A verdade é que adoro quando trazem histórias da nossa infância e as transformam não só para as crianças de agora saberem como foi, mas também para deliciar os próprios pais/familiares. Acho que é a perfeita oportunidade para ir buscar a nostalgia e organizar uma viagem em família até ao cinema, seja com filhos, com irmãos ou com primos. O que interessa é irem, relembrarem e serem felizes. Certo?

Desta vez, eu e o meu namorado fomos passear até ao centro comercial de Santarém e decidimo-nos, com grande insistência minha, pelo Jumanji 2. E se o enredo em si não vos encantar, será que o elenco o fará? Porque, para mim, era mais do que suficiente. Dwayne Johnson, Kevin Hart e Jack Black, três actores que sempre considerei brilhantes e que, quando juntos, têm a melhor dinâmica de sempre (há um ano atrás, mais ou menos, fui ver também ao cinema com o Daniel o Central Intelligence [2016] com Dwayne e Kevin e também foi de morrer a rir), mas também Karen Gillan, a nossa Amy Pond de Doctor Who (2005) e Nick Jonas.



Bem, a história começa da mesma forma que o primeiro filme: o jogo de tabuleiro é encontrado, trazido para casa mas... Ignorado completamente. Porque, afinal de contas, os videojogos estão em voga e ninguém quer saber realmente de jogos de tabuleiro (side eye julgador, continuo a adorar Monopólio, entre outros). Então, o próprio jogo, denominado Jumanji, apercebe-se disso e, durante a noite... Transforma-se em videojogo! E aí sim, finalmente capta a atenção do jovem a quem foi parar, momento em que somos catapultados para 20 anos depois, quando um grupo de jovens vai para a detenção e têm como tarefa limpar a cave da escola onde estão a estudar. Misteriosamente, um dos miúdos encontra uma espécie de playstation antiga e desafia os restantes colegas a jogarem com ele.

Resultado? Spencer, Bethany, Fridge e Martha são transferidos para dentro do jogo, onde entram dentro dos corpos das personagens que escolheram. Spencer acaba por ser o Dr. Smolder Bravestone, aka Dwayne Johnson, Fridge passa a ser Franklin Finbar, ou Kevin Hart, Martha é Ruby Roundhouse, Karen Gillan, e... Bethany, infelizmente, acaba no corpo de um homem, sendo o Professor Shelly Oberon, interpretado por Jack Black. Já têm uma ideia do quanto hilariante isto foi?
http://kpfun.tumblr.com/post/162403571575

Sem querer dar ainda mais spoilers, deixem-me dizer-vos que é a mistura perfeita entre a acção e a comédia, capaz de nos prender ao ecrã desde o primeiro minuto em que começa o filme. Não, não é uma recriação perfeita do Jumanji de 1995, mas é a versão indicada para 2017-2018, misturando as novas tecnologias com os clássicos de antigamente numa combinação perfeita.

Mas a sério, não há nada melhor do que Dwayne Johnson e Kevin Hart juntos. E também Jack Black a imitar as frases típicas de qualquer adolescente millennial como "slaaaay!" e "yas gurl!". Acreditem em mim. Vejam e depois digam o que acharam. 



MOVIE 36 // PARTICIPANTES


Criado por a Carolayne, do blogue IMPERIUM, em parceria com a Sofia Costa Lima do blogue A Sofia World.

Francisca Gonçalves, Francisca ● Inês Vivas, Vivus ● Alice Ramires, Senta-te e Respira ● Vanessa Martins, Make it Flower ● Cherry, Life of Cherry ● Joana Almeida, Twice Joaninha ● Joana Sousa, Jiji ● Inês Pinto, Wallflower ● Carina Tomaz, Discolered Winter ● Sofia Ferreira, Por Onde Anda a Sofia ● Sandra, Brownie Abroad ● Rosana Vieira, Automatic Destiny ● Abby, Simplicity ● Sofia, Ensaio sobre o Desassossego


12 comentários

  1. Estou mega curiosa para ver este filme e tu ainda despertaste mais a minha curiosidade! Ao contrário de tanta gente eu nunca vi o 1º (e também se encontra na minha lista de filmes a ver), e o trailer desta nova 'versão' pareceu-me interessante e também repleto de momentos divertidos :D Tenho mesmo de o ver!
    Gostei muito do teu blog :) Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O primeiro "Jumanji" é tão, mas tão bom! No outro dia comecei a vê-lo com uns amigos, com o objectivo de mais tarde vermos o segundo em grupo, e fiquei deliciada ao revê-lo :)
      Acho que não te vais arrepender, para um filme de 1995 está mesmo muito bom!

      Eliminar
  2. Eu não me estava a lembrar do primeiro filme até mencionares o Robbin Willians. Esse filme marcou tanto a minha infância! Fiquei muito curiosa para ver a sequela :).
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que marcou a infância de muita gente, era daqueles clássicos que passavam sempre na televisão! E com o Robin Williams então, acho que é mesmo dos que ficam no coração ;)

      Eliminar
  3. Não cheguei a ver o primeiro na integra, mas estou tentada a vê-lo, para depois passar a este :)
    Gostei bastante da tua crítica!

    ResponderEliminar
  4. Estou muito curiosa para ver mas vou esperar que saia online! Gostei muito do teu blog e fiquei a seguir :)

    Beijinhos ♥
    http://infashion-wings.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Percebo, mas também acho que é daqueles filmes de acção que ganham bastante quando vistos num grande ecrã! Muito obrigada, Daniela :)

      Eliminar
  5. Vou ser muito sincera não tenho grande ideia desse jogo, ou outro filme. Talvez por não ser da minha época. Mas pelo que li vou querer ver este filme!! Parece ser muito divertido!!

    Blog: https://bolacha-mariaa.blogspot.pt/
    Projeto: https://ajudaoplanetaesalvaomundo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É daqueles filmes que ultrapassam gerações, acho que se gostares do género vais gostar muito! E sim, é definitivamente hilariante, adoro a dinâmica entre o Kevin e o Dwayne :)

      Eliminar
  6. Confesso (e isto é vergonhoso): as memórias que tenho do Jumanji é de o ter visto quando era pequena e ter ficado cheia de medo! Ahahah :) mas se calhar devia dar-lhe uma segunda hipótese... :)

    Jiji

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é nada vergonhoso! A primeira vez que vi o "Harry Potter e a Câmara dos Segredos" também fiquei aterrorizada, era demasiado pequenina ahahah. O Jumanji também tem certas cenas que não são para todas as crianças, mas quando crescemos voltamos a ver e passamos a adorar, acho eu. E este segundo filme não é tão violento quanto o primeiro :)

      Eliminar

Latest Instagrams

© by the library. Design by FCD.